Emoção no Dia das Mães

Foi uma americana, Anna Jarvis, no Estado da Virgínia Ocidental, que iniciou a campanha para instituir o Dia das Mães. Em 1905 Ana, filha de pastores, perdeu sua mãe e entrou em grande depressão. Preocupadas com aquele sofrimento, algumas amigas tiveram a ideia de perpetuar a memória de sua mãe com uma festa. Ana quis que a festa fosse estendida a todas as mães, vivas ou mortas, com um dia em que todas as crianças se lembrassem e homenageassem suas mães. Aideia era fortalecer os laços familiares e o respeito pelos pais.

Durante três anos seguidos, Anna lutou para que fosse criado o Dia das Mães. Aprimeira celebração oficial aconteceu somente em 26 de abril de 1910, quando o governador de Virgínia Ocidental, William E. Glasscock incorporou o Dia das Mães ao calendário de datas comemorativas daquele estado. Rapidamente, outros estados norte-americanos aderiram à comemoração.

Finalmente, em 1914, o então presidente dos Estados Unidos, Woodrow Wilson (1913-1921), unificou a celebração em todos os estados, estabelecendo que o Dia Nacional das Mães deveria ser comemorado sempre no segundo domingo de maio. A sugestão foi da própria Anna Jarvis. Algum tempo depois, mais de 40 países adotaram a comemoração. O primeiro Dia das Mães brasileiro foi promovido pela Associação Cristã de Moços de Porto Alegre, no dia 12 de maio de 1918. Em 1932, o então presidente Getúlio Vargas oficializou a data. Em 1947, Dom Jaime de Barros Câmara, Cardeal-Arcebispo do Rio de Janeiro, determinou que a comemoração fizesse parte no calendário oficial da Igreja Católica.

Na sede, a AEE-DF lembrou o Dia das Mães oferecendo, no hall de entrada, uma rosa. O primeiro e mais importante significado que sempre acompanha as flores é “você é importante para mim”. “E essa foi a nossa intenção ao oferecer uma rosa a todas as mães da nossa Empresa”, disse Eurenice Oliveira, presidente da
AEE. Ela lembra que quem presenteia alguém com flores está sempre enviando uma mensagem de carinho e consideração para essa pessoa e demonstrando seu apego por ela.

As mães que receberam a homenagem ficaram emocionadas, como a colega Suely de Fátima, do Departamento de Tecnologia da Informação (DTI). “Achei muito linda a festa de comemoração e fiquei feliz ao sentir um imenso carinho por parte dos organizadores”, enfatizou. Ela destacou os quitutes oferecidos, os prêmios, as massagens e as lembrancinhas. “Com certeza, foi uma festa que ficará na história”. Ela enalteceu a nova direção não só pela homenagem às mães, mas também pelas mudanças feitas na AEE.

A colega Sônia Leite, também do DTI, que representou todas as mães da Empresa ficou igualmente emocionada ao receber a homenagem. “Foi surpreendente e especial esse Dia das Mães, especialmente porque estou grávida e a emoção aflora ao participar desse dia tão especial”, disse.

A DIRETORIA AGRADECE A PRESENÇA NO EVENTO!

Compartilhe: