Emoção no Dia das Mães

Foi uma americana, Anna Jarvis, no Estado da Virgínia Ocidental, que iniciou a campanha para instituir o Dia das Mães. Em 1905 Ana, filha de pastores, perdeu sua mãe e entrou em grande depressão. Preocupadas com aquele sofrimento, algumas amigas tiveram a ideia de perpetuar a memória de sua mãe com uma festa. Ana quis que a festa fosse estendida a todas as mães, vivas ou mortas, com um dia em que todas as crianças se lembrassem e homenageassem suas mães. Aideia era fortalecer os laços familiares e o respeito pelos pais.

Durante três anos seguidos, Anna lutou para que fosse criado o Dia das Mães. Aprimeira celebração oficial aconteceu somente em 26 de abril de 1910, quando o governador de Virgínia Ocidental, William E. Glasscock incorporou o Dia das Mães ao calendário de datas comemorativas daquele estado. Rapidamente, outros estados norte-americanos aderiram à comemoração.

Finalmente, em 1914, o então presidente dos Estados Unidos, Woodrow Wilson (1913-1921), unificou a celebração em todos os estados, estabelecendo que o Dia Nacional das Mães deveria ser comemorado sempre no segundo domingo de maio. A sugestão foi da própria Anna Jarvis. Algum tempo depois, mais de 40 países adotaram a comemoração. O primeiro Dia das Mães brasileiro foi promovido pela Associação Cristã de Moços de Porto Alegre, no dia 12 de maio de 1918. Em 1932, o então presidente Getúlio Vargas oficializou a data. Em 1947, Dom Jaime de Barros Câmara, Cardeal-Arcebispo do Rio de Janeiro, determinou que a comemoração fizesse parte no calendário oficial da Igreja Católica.

Na sede, a AEE-DF lembrou o Dia das Mães oferecendo, no hall de entrada, uma rosa. O primeiro e mais importante significado que sempre acompanha as flores é “você é importante para mim”. “E essa foi a nossa intenção ao oferecer uma rosa a todas as mães da nossa Empresa”, disse Eurenice Oliveira, presidente da
AEE. Ela lembra que quem presenteia alguém com flores está sempre enviando uma mensagem de carinho e consideração para essa pessoa e demonstrando seu apego por ela.

As mães que receberam a homenagem ficaram emocionadas, como a colega Suely de Fátima, do Departamento de Tecnologia da Informação (DTI). “Achei muito linda a festa de comemoração e fiquei feliz ao sentir um imenso carinho por parte dos organizadores”, enfatizou. Ela destacou os quitutes oferecidos, os prêmios, as massagens e as lembrancinhas. “Com certeza, foi uma festa que ficará na história”. Ela enalteceu a nova direção não só pela homenagem às mães, mas também pelas mudanças feitas na AEE.

A colega Sônia Leite, também do DTI, que representou todas as mães da Empresa ficou igualmente emocionada ao receber a homenagem. “Foi surpreendente e especial esse Dia das Mães, especialmente porque estou grávida e a emoção aflora ao participar desse dia tão especial”, disse.

A DIRETORIA AGRADECE A PRESENÇA NO EVENTO!

Compartilhe:

Dia do Trabalhador

No dia 27 de abril foi comemorado o Dia do Trabalho, pela AEE-DF e o Sinpaf, quando promoveram um happy hour. Música animada, petiscos e bebidas servidos à vontade e muita animação. Os presentes, além de acompanharem os jogos finais do Primeiro Campeonato de Futebol Society, puderam comemorar o dia do trabalho num ambiente carinhosamente preparado para receber torcedores, atletas, associados e convidados.

Muito chopp, comidinhas deliciosas, petiscos e bons papos aconteceram no evento, carinhosamente organizado pela AEE-DF e com o apoio do Sinpaf Seção Sindical Sede. Por que esta data? A data 1º de Maio foi estabelecida em 1889 pela Segunda Internacional Socialista, um congresso realizado em Paris que reuniu os principais partidos socialistas e sindicatos de toda Europa.

Ao escolher 1º de maio como Dia do Trabalho, os participantes desse encontro prestaram uma homenagem aos operários dos Estados Unidos. É que, três anos antes, os americanos organizaram uma gigantesca campanha por melhores condições de trabalho, fazendo mais de 1500 greves em todo o país.

Uma das principais reivindicações era a garantia da jornada de oito horas diárias, pois na época alguns operários trabalhavam até 14 horas por dia. Chicago se tornou um dos principais centros de protestos e uma das manifestações na cidade terminou em tragédia. “A polícia reprimiu um movimento de forma violenta, ocasionando a morte de quatro operários’’.

Compartilhe:

RESOLUÇÃO AEE/DF Nº 001/2015

A presidente da Associação dos Empregados da Embrapa do Distrito Federal – AEE/DF, no uso de suas atribuições contidas nos Artigos 40 e 41 do Estatuto, decidiu:

1. CONVOCAR as eleições para a Diretoria e o Conselho Fiscal da AEE/DF, para o Triênio 2015/2018, a realizar-se no dia 17 de agosto de 2015; e

2. DESIGNAR os associados ANTÔNIO CLARET DE OLIVEIRA BARBOSA, GENIVALDO DO NASCIMENTO SOUZA E ROBERTO HENRIQUE MENDES PARKER, para, sob a presidência do primeiro, compor a Comissão Eleitoral responsável pela condução do respectivo Processo Eleitoral.

Brasília-DF, 06 de julho de 2015.

Maria Elisa Monteiro

Presidente da AEE-DF – Triênio 2012 / 2015

Compartilhe:

ATA DA ASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA DE 16 DE JULHO DE 2012.

No décimo sexto dia do mês de julho do ano de dois mil e doze, às quatorze horas e trinta minutos, em segunda convocação,  no hall da Associação dos Empregados da Embrapa do Distrito Federal – AEE-DF, na sede da Embrapa, realizou-se a Assembléia Geral Extraordinária para Aprovação da aquisição do imóvel sito à Quadra 19 – Conjunto 3 – Lote 2 – Casa B – ParkWay, no valor de R$1.400.000,00 (Hum milhão e quatrocentos mil reais), como parte de pagamento da venda do imóvel sito à Quadra 26, Conjunto 6 – Lote 1 do ParkWay para a Associação dos Empregados da Embrapa do Distrito Federal – AEE-DF. Estiveram presentes a presidente da AEE-DF, Maria Elisa Monteiro, os diretores José Milton Soares Barbosa, Financeiro da AEE-DF e Célia Regina Corrêa Piffero, Patrimonial da AEE-DF, os membros da comissão: Henrique Mendes Parker e Antônio Claret de Oliveira Barbosa, além dos sócios Azuir Felipe dos Santos, Eurenice Neves de Oliveira, Francisco Ribeiro Marques, Genivaldo do Nascimento Souza, Maria José Corrêa Piffero Mello, Moacyr José Vaz de Sousa, Quirino José de Azevedo Rodrigues, Tallyrand Moreira Jorcelino, Vera Lúcia Dias Carvalho, Vera Lucia Mickievicz Massa e Yara Santos Cioffi. Iniciando os trabalhos, a presidente Elisa Monteiro informou que a presente assembleia ocorre para cumprir trâmites solicitados pelo Cartório para registro do imóvel sito à Quadra 19, conjunto 3 – lote 2 casa B no Parkway, em nome da AEE-DF, uma vez que o mesmo não entendeu dos plenos poderes dados à comissão de venda pela assembleia de 1.º de fevereiro de dois mil e onze, incluindo aceitação de imóvel como parte de pagamento, além de autorização para vender os imóveis que viessem a fazer parte da venda do imóvel sito à Quadra 26, conjunto 6, lote 1 no Parkway – Clube da AEE-DF. Assim sendo, a presidente Elisa Monteiro colocou em votação a aprovação da aquisição do imóvel sito à Quadra 19 – Conjunto 3 – Lote 2 – Casa B – ParkWay, no valor de R$1.400.000,00 (Hum milhão e quatrocentos mil reais), como parte de pagamento da venda do imóvel sito à Quadra 26, Conjunto 6 – Lote 1 do ParkWay para a Associação dos Empregados da Embrapa do Distrito Federal – AEE-DF e, dos associados presentes em condições de voto, por estarem em dia com as suas obrigações junto à AEE-DF, 14 (quatorze) sócios votaram à favor, nenhum voto contra e sem abstenções. A presidente Elisa Monteiro informou aos presentes que, no início do mês de agosto será realizada uma assembleia para prestação de contas da gestão 2009 / 2012 e também dos recursos utilizados para quitação das dívidas pagas que possibilitaram a venda do Clube. Nada mais tendo a relatar, eu, Maria Elisa Monteiro, lavrei esta ata, que vai assinada por mim e pelos presentes em relação anexa.

Brasília, 16 de julho de 2012

(REGISTRADA NO CARTÓRIO MARCELO RIBAS – BSB/DF, EM 18/7/12).watch The Lego Batman Movie 2017 movie now

Compartilhe: